CROWDSOURCING CONSTITUTION: SOLIDARIEDADE E LEGITIMAÇÃO DEMOCRÁTICA NA PÓS-MODERNIDADE

Autores

  • Ernani Contipelli Unochapecó/SC

DOI:

https://doi.org/10.14210/rdp.v8n3.p2364-2389

Palavras-chave:

Solidariedade, Pós-modernidade, Legitimação Democrática, CrowdSourcing Constitution, Islândia.

Resumo

A questão que se coloca no presente trabalho é justamente como criar os meios necessários para que, diante da heterogeneidade e hipercomplexidade da pós-modernidade, a solidariedade possa ser concretizada no desenrolar da vida social, especialmente, no plano da experiência jurídica, em que atua como seu símbolo visível, possibilitando o reforço dos laços de interdependência recíproca que unem os cidadãos. Para tanto, a legitimação democrática do direito passa a ser uma das saídas possíveis para solucionar o problema, abrindo espaço para a manifestação dos reais anseios e interesses que se desdobram na realidade cotidiana e que devem ser consideradas no âmbito de decisões políticas. Em tal contexto surgem novos caminhos para facilitar o alcance destes objetivos, oriundos do processo de revolução tecnológica e comunicacional que afeta todo o conteúdo das relações intersubjetivas, como o caso do “CrowdSourcing Constitution”, que, por meio de uma ferramenta de colaboração e participação ativa virtual dos cidadãos, pretende estabelecer novos parâmetros para representação política da sociedade, o que será ilustrada com o exemplo concreto de Islândia.

Downloads

Como Citar

CONTIPELLI, E. CROWDSOURCING CONSTITUTION: SOLIDARIEDADE E LEGITIMAÇÃO DEMOCRÁTICA NA PÓS-MODERNIDADE. Revista Eletrônica Direito e Política, [S. l.], v. 8, n. 3, p. 2364–2389, 2014. DOI: 10.14210/rdp.v8n3.p2364-2389. Disponível em: https://periodicos.univali.br/index.php/rdp/article/view/5452. Acesso em: 14 jun. 2024.

Edição

Seção

Artigos