A CONSTRUÇÃO DA CIDADANIA, A DEMOCRACIA E A TEORIA COSMOPOLITA: ANÁLISE DE UM CASO A PARTIR DO FENÔMENO DAS ITERAÇÕES DEMOCRÁTICAS

Autores

  • Daniela Mesquita Leutchuk de Cademartori Universidade Federal de Santa Catarina
  • Gabriel Augusto Marques Poeta de Moraes Unilasalle/RS

DOI:

https://doi.org/10.14210/rdp.v10n2.p728-746

Palavras-chave:

Teoria Cosmopolita, Iterações Democráticas, Cidadania, L'Affaire du Foulard.

Resumo

Esse ensaio objetiva perceber questões estruturais da Teoria Cosmopolita, inicialmente desenvolvida por Immanuel Kant em “A Paz Perpétua” e contemporaneamente revisada pela autora turca Seyla Benhabib na obra Another Cosmopolitanism O ponto nevrálgico a ser analisado aqui será a aplicação do processo de Iterações Democráticas na observação de um caso específico (L’Affaire du Foulard) e como esse fenômeno, percebido num contexto de antecipação de novas modalidades de cidadania, pode ajudar a entender e contribuir para a democracia e o desenvolvimento de uma ideia mais adequada de sociedade civil global.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

30-04-2015

Como Citar

MESQUITA LEUTCHUK DE CADEMARTORI, D.; MARQUES POETA DE MORAES, G. A. A CONSTRUÇÃO DA CIDADANIA, A DEMOCRACIA E A TEORIA COSMOPOLITA: ANÁLISE DE UM CASO A PARTIR DO FENÔMENO DAS ITERAÇÕES DEMOCRÁTICAS. Revista Eletrônica Direito e Política, [S. l.], v. 10, n. 2, p. 728–746, 2015. DOI: 10.14210/rdp.v10n2.p728-746. Disponível em: https://periodicos.univali.br/index.php/rdp/article/view/7473. Acesso em: 18 jul. 2024.

Edição

Seção

Artigos