O ENSINO DA EDUCAÇÃO AMBIENTAL

Autores

  • Kelly Farias de Moraes Universidade do Estado do Amazonas
  • Monique Rodrigues da Cruz Universidade do Estado do Amazonas

DOI:

https://doi.org/10.14210/rdp.v10n2.p928-945

Palavras-chave:

Direito, Educação, Meio Ambiente.

Resumo

A Constituição brasileira de 1988 prevê em seus artigos 6º e 225 a educação e o meio ambiente ecologicamente equilibrado como um direito de todos, além disso, seu artigo 205 traz a educação como um dispositivo de inclusão social que objetiva preparar qualquer pessoa para o exercício da cidadania e do trabalho. O professor é o principal responsável pela transmissão de conhecimento, tendo o árduo e prazeroso trabalho de contribuir para a formação de cidadãos, indivíduos habilitados a compreender e contestar informações transformando o meio ambiente onde se encontram inseridos. Neste contexto, a presente pesquisa aborda os direitos fundamentais à educação e ao meio ambiente, bem como considerações sobre as formas de transmissão de conhecimentos. A metodologia utilizada no estudo, quanto aos meios, é a pesquisa bibliográfica com análise de legislações nacionais e fontes doutrinárias, e, quanto aos fins, trata-se de trabalho qualitativo.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

30-04-2015

Como Citar

FARIAS DE MORAES, K.; RODRIGUES DA CRUZ, M. O ENSINO DA EDUCAÇÃO AMBIENTAL. Revista Eletrônica Direito e Política, [S. l.], v. 10, n. 2, p. 928–945, 2015. DOI: 10.14210/rdp.v10n2.p928-945. Disponível em: https://periodicos.univali.br/index.php/rdp/article/view/7481. Acesso em: 18 jul. 2024.

Edição

Seção

Artigos