CONTROLE PREVENTIVO DE CONSTITUCIONALIDADE DE EMENDAS CONSTITUCIONAIS: ANÁLISE COMPARADA ENTRE BRASIL E COLÔMBIA

Autores

DOI:

https://doi.org/10.14210/rdp.v18n2.p328-355

Palavras-chave:

Proposta de emenda constitucional, Revisão judicial, Legitimidade democrática.

Resumo

Contextualização: Diante da crescente intercomunicação da pesquisa jurídica brasileira com a produção acadêmica internacional, tem surgido, em decorrência disso, um considerável interesse na realização de pesquisas em direito comparado. Contemporaneamente, esse tipo de pesquisa tem colocado novas questões metodológicas que até então não estavam postas para o comparativismo jurídico tradicional, principalmente em razão do amplo acesso às fontes de pesquisa estrangeiras.

Objetivo: Por esse motivo, esse artigo tem como objetivo inicial apresentar os novos desafios da comparação e, a partir disso, demonstrar como se deu a assunção de competência do controle preventivo de constitucionalidade de emendas constitucionais no Brasil e na Colômbia.

Metodologia: Para alcançar esse intento, foi realizado o levantamento de bibliografia específica do tema, de dados documentais e jurisprudenciais para que fossem analisados à luz das mais recentes abordagens metodológicas da comparação jurídica.

Resultados: Concluiu-se que, apesar de suas diferentes disposições constitucionais sobre o tema, ambos os países se destacam pelo protagonismo de suas supremas cortes na condução do reconhecimento da competência para realizar o controle preventivo de emendas constitucionais e que as chaves metodológicas da comparação jurídica apresentadas na pesquisa colaboraram para essa identificação.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Beatriz Tavares Fernandes dos Santos, Universidade Estadual do Norte do Paraná

Mestranda do Programa de Pós-Graduação em Ciência Jurídica da Universidade Estadual do Norte do Paraná – PPGD/UENP, Jacarezinho, Paraná, Brasil. Bolsista pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES). E-mail: beatriztavaresfs@gmail.com.

Jairo Néia Lima, Universidade Estadual do Norte do Paraná (UENP)

Professor do Programa de Pós-Graduação em Ciência Jurídica da Universidade Estadual do Norte do Paraná (UENP). Doutor em Direito do Estado pelo Universidade de São Paulo (USP). Coordenador do Laboratório de Pesquisa em Teorias Constitucionais e Políticas (CPOL-LAB).

Referências

ARGUELHES, Diego Werneck; SÜSSEKIND, Evandro Proença. Building Judicial Power in Latin America: opposition Strategies and the Lessons of the Brazilian Case. Revista Uruguaya de Ciencia Politica, Montevideo, v. 27, n.1, p. 175, jun. 2018. DOI: https://doi.org/10.26851/RUCP.27.8

BARROSO, Luís Roberto; OSORIO, Aline. As Constituições latino-americanas entre a vida e a morte: possibilidades e limites do poder de emenda. Revista Brasileira de Políticas Públicas, Brasília, v. 9, n. 2, p. 01-54, 2019. DOI: https://doi.org/10.5102/rbpp.v9i2.6147

BRANDÃO, Rodrigo. Supremacia Judicial e Diálogos Constitucionais: a quem cabe a última palavra sobre o sentido da Constituição. 2. ed. Lumen Juris: Rio de Janeiro, 2017.

BRASIL. [Constituição (1988)]. Constituição da República Federativa do Brasil de 1988. Brasília, DF: Presidência da República. Disponível em: <http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/Constituicao/ConstituicaoCompilado.htm>. Acesso em: 20 dez. 2021.

BRASIL, Supremo Tribunal Federal. Mandado de Segurança nº 20.257/DF. Mandado de segurança contra ato da Mesa do Congresso que admitiu a deliberação de proposta de emenda constitucional que a impetração alega ser tendente a abolição da república. Impetrante: Itamar Augusto Catiero Franco e Antônio Mendes Canale. Autoridade Coatora: Mesa do Congresso Nacional. Relator: Ministro Décio Miranda. Brasília, 08 out. 1980. Disponível em: <https://redir.stf.jus.br/paginadorpub/paginador.jsp?docTP=AC&docID=85046>. Acesso em 20 dez. 2021.

CAPELLETTI, Mauro. O Controle Judicial de Constitucionalidade das Leis no Direito Comparado. Tradução: Aroldo Plínio Gonçalves. 2ª ed. Sergio Antonio Fabris Editor: Porto Alegre, 1999.

CASSEB, Paulo Adib. Controle Preventivo de Constitucionalidade no Brasil. Nomos: Revista do Programa de Pós-Graduação em Direito – UFC. Fortaleza, v. 29, n. 2, p. 279-296, jul./dez. 2009.

CASTRO, André Dunham de. A crise na Colômbia: impactos e implicações para o Brasil. Brasília: Fundação Alexandre de Gusmão, 2009.

CELEMÍN CAICEDO, Yenny Andrea. Sustitución constitucional: Reflexiones a partir del principio de pesos y contrapesos. Prolegómenos, v. 23, n. 46, p. 15-33, out. 2020. DOI: https://doi.org/10.18359/prole.3601

CHANCEL, Lucas; PIKETTY, Thomas; SAEZ, Emmanuel; ZUCMAN, Gabriel. World Inequality Report 2022, World Inequality Lab. Disponível em: <https://wid.world/world/#sptinc_p90p100_z/WO;BR;CO/last/eu/k/p/yearly/s/false/49.65399999999999/65/angle/false/country>. Acesso em 10 jan. 2022. DOI: https://doi.org/10.4159/9780674276598

COLÔMBIA. [Constitución (1991)]. Constituição Política de Colombia 1991. Bogotá, BOG. Presidencia de la República. Disponível em: <https://dapre.presidencia.gov.co/normativa/constitucion-politica>. Acesso em: 20 dez. 2021.

COLÔMBIA. Corte Constitucional. Sentencia C-551/03; DJ 9/7/03. Disponível em: <https://www.corteconstitucional.gov.co/relatoria/2003/C-551-03.htm>. Acesso em 04 dez. 2021.

DIXON, Rosalind. Constitutional amendment rules: a comparative perspective. In: GINSBURG, Tom; DIXON, Rosalind (org.) Comparative Constitutional Law. Northamptom: Edward Elgar Publishing Limited, 2011. DOI: https://doi.org/10.2139/ssrn.1833634

FERRAZ, Anna Candida da Cunha. Notas sobre o controle preventivo de constitucionalidade. Revista de Informação Legislativa, Brasília, a. 36, n. 142, p. 279-296, 1999.

FERREIRA FILHO, Manoel Gonçalves. Curso de Direito Constitucional. 38 ed. São Paulo: Saraiva, 2012.

GODOY, Miguel Gualano de; CHUERI, Vera Karam de. Marbury versus Madison: uma leitura crítica. Curitiba: Juruá, 2017.

HIRSCHL, Ran. On the blurred methodological matrix of comparative constitutional law. In: CHOUDHRY, Sujit. The Migration of Constitutional Ideas. Cambridge University Press, 2009.

HIRSCHL, Ran. The Question of Case Selection in Constitutional Law. The American Journal of Comparative Law, v. 53, p. 125-156, 2005. DOI: https://doi.org/10.1093/ajcl/53.1.125

LANDAU, David; ESPINHOSA, Manuel José Cepeda. Colombian constitutional law: leading cases. New York: Oxford University Press, 2017.

LEGRAND, Pierre. Direito Comparado: Compreendendo a Compreendê-lo. Tradução: Daniel Wunder Hachem. São Paulo: Editora Contracorrente, 2021.

LEGRAND, Pierre. Jameses at Play: A Tractation on the Comparison of Laws. The American Journal of Comparative Law, Oxford, v. 65, p. 1-132, 2017. DOI: https://doi.org/10.1093/ajcl/avx018

LIMA, Jairo Néia. Emendas Constitucionais Inconstitucionais: Democracia e Supermaioria. Editora Lumen Iuris: Rio de Janeiro, 2018.

MEYER, Emilio Peluso Neder. Repensando o Direito Constitucional Comparado no Brasil. Revista de Investigações Constitucionais, Curitiba, v. 6, n. 2, p. 479-502, mai./ago. 2019. DOI: https://doi.org/10.5380/rinc.v6i2.65009

MÖLLERS, Christoph. The Three Branches: A Comparative Model of Separation of

Powers. Oxford: Oxford University Press, 2013.

PNDU. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento. O Relatório do Desenvolvimento Humano de 2020. Nova York: PNDU, 2020. Disponível em: <https://hdr.undp.org/sites/default/files/hdr2020_pt.pdf>. Acesso em: 25 jan. 2021.

PULIDO, Carlos Bernal. Unconstitutional Constitutional Amendments in the Case Study of Colombia: an Analysis of the Justification and Meaning of the Constitutional Replacement Doctrine. International Journal of Constitutional Law, v. 11, n 2. p. 339-357, 2013. DOI: https://doi.org/10.1093/icon/mot007

SALGADO, Eneida Desiree; ARAÚJO, Eduardo Borges Epínola. Controle judicial do processo legislativo: do Minimalismo à Garantia do Devido Procedimento Legislativo. Revista de Informação Legislativa. Brasília, v. 56, n. 224, p. 79-104, out./dez. 2019.

TAVARES, Sebastião Gilberto Mota. Controle jurisdicional preventivo da lei: o devido processo legislativo. 2. ed. Rio de Janeiro: Lumen Juris, 2021.

TUSHNET, Mark. Advanced Introduction to Comparative Constitutional Law. Northampton: Elgar, 2014. DOI: https://doi.org/10.4337/9781781007327

Publicado

29-08-2023

Como Citar

DOS SANTOS, B. T. F.; LIMA, J. N. CONTROLE PREVENTIVO DE CONSTITUCIONALIDADE DE EMENDAS CONSTITUCIONAIS: ANÁLISE COMPARADA ENTRE BRASIL E COLÔMBIA. Revista Eletrônica Direito e Política, [S. l.], v. 18, n. 2, p. 328–355, 2023. DOI: 10.14210/rdp.v18n2.p328-355. Disponível em: https://periodicos.univali.br/index.php/rdp/article/view/18536. Acesso em: 23 jul. 2024.

Edição

Seção

Artigos